Blind Guardian Brasil

Fã de verdade tem os álbuns originais, DVDs, autógrafos, fotos com “os caras”… e até camiseta!!!  😀

Visite www.blindguardianbrasil.com.br e compre a sua também!

 

 

Camiseta do Blind Guaridan Brasil – Frente

 

 

Camiseta do Blind Guaridan Brasil – Costas

A Saga da Cerveja!

Foi mesmo uma saga! É uma saga a cada vez que tenho que fotografar algo em “estúdio”, pois é claro, a amadora aqui, não tem um estúdio de verdade!

No entanto, se teve algo útil que aprendemos com nosso querido Professor Pardal, ops, Ulysses, nas aulas  da escola Portfólio foi a improvisar! E improvisando um estúdio no quarto de visitas (quando não temos visitas, claro! 😉 ) até que as fotos saem. 

Dessa vez, a “vítima” foi a cerveja artesanal que meu esposo preparou para uma ocasião especial: a “The Bard’s Night”. Para os headbangers de plantão, espiem no site do Blind Guardian Brasil.

 

 

Das Bard - Cerveja Weiss Artesanal

 

 

E eu sei que parece muuuuito fácil, mas fazer uma foto dessas não tem nada de simples mesmo… que o diga o pobre quarto/estúdio que terminou “virado no quê que é isso”! 😀

 

 

 

Sobre cartas e caras… as fotos do pôquer!

Pronto meninos, roubem as fotos a vontade…  😀  Só não esqueçam de citar a autora, ok!  😉

PS: basta clicar nas fotos para vê-las ampliadas.

PS2: não custa lembrar que o dinheiro é meramente ilustrativo, pois no Brasil, embora os torneios não sejam ilegais, os “cash games” são!

Nham-nham…

Nas aulas de Gastronomia da Escola Portfólio a gente aprende…

 

… a deixar a foto com cherinho de café!

… e a passar fome também!

 

Dica: para ver as fotos ampliadas, basta clicar!

 

Turma e o Professor Nilo ao fundo... saudades de vocês!

A menina que “comia” livros!

Essa já fui eu… eu nunca roubei um livro na vida!* Mas já “devorei” muitos deles!

Esse final de semana não deu! Eu precisa mesmo de um descanso: para o corpo e para a mente!  Na sexta a noite ainda consegui ligar meu note, mas sábado… sábado resolvi me dar um luxo o qual não me dava já havia tempos: DEVOREI UM LIVRO INTEIRINHO DE UMA VEZ

Ai! Como eu senti falta disso! Tenho prateleiras de livros que eu ainda não consegui ler! 😦

Uma das prateleiras - Por APA

Mas sábado foi diferente e “tirei a barriga da miséria”! 😀

Você leitor, já fez isso? Ler um livro inteiro praticamente de uma vez? Virar a noite lendo até que seus olhos não aguentassem mais “fazer o foco” nas letrinhas pretas, que seus pulsos ardessem de segurar o peso do livro e seu pescoço o ameaçasse com a maior torcicolo que você já pudesse ter tido na vida? Se não fez ainda, não sabe o que está perdendo!!!

Eu já ouvi várias pessoas dizendo: – Eu não gosto de ler! E só respondo: só porque você ainda não tentou ler o livro certo! Nem faz muito tempo, uma grande amiga (Sandra, você sabe que é você!) desistiu de Júlio Verne e se rendeu a uma série de livros “modinha”! (Não me entendam mal, não falo assim com sentido pejorativo, ok! Mas também, Vampiros Brilhantes não são lá clássicos da literatura, não é mesmo!) Aposto que ela leu um livro inteiro da série no mesmo tempo em que levava para ler um capítulo de 20 mil léguas submarinas!

De qualquer maneira, seja Memórias Póstumas ou O Hobbit**, a “viagem” é o que vale. Clichê? Só para quem ainda não experimentou… ou é pedante demais para conseguir se livrar um pouco da realidade e deixar sua mente livre! (Se você se sentiu ofendido aqui e a carapuça serviu, sinto muito! 😦 )

Fico maravilhada com a capacidade que alguns seres humanos têm de criarem mundos, histórias, vidas, roteiros…. coisas tão simples, ou às vezes, tão intricadas… que te prendem por horas a fio, num mundo dentro de sua própria mente! E o pior, para isso, eles só usam  letras!

Infinitas possibilidades... Por APA

É um grande talento.

Por último resta dizer que não! Não vou dizer qual foi o livro! 😀 Garanto a vocês que ele não vale uma recomendação aqui no blog… mas ele valeu minha viagem, um bom descanso para minha mente!

O tal livro... por APA

* Não entendeu? Clique aqui! 😀

** Recomendo ambos!